Valdir do MST
Cinema

‘Reforma agrária acabará com a fome’

É o projeto de Valdir Misnerovicz

Miséria atinge 33 milhões no Brasil 

 

Renato Dias 

Filho de agricultores pobres, com apenas o quarto ano primário concluído, optou, sem temor, por ingressar no ativo e barulhento Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terras. O MST é fundado em 1984. Registro: 38 anos de lutas pela democratização da velha, arcaica, estrutura fundiária do Brasil. Mais: herança do escravismo colonial. Das oligarquias regionais. Fundada no latifúndio, no agronegócio, ainda na monocultura. À exportações de comoditties. Sem valor agregado. Com a relação periferia e centro.

Diversidade na produção, sem agrotóxicos nem transgênicos

Valdir Misnerovicz 

Depois de 35 anos de idade, Valdir Misnerovicz resolveu obter o ensino formal: fundamental, médio, superior e pós-graduação. É formado em Geografia, mestre em Geografia e Meio Ambiente e qualificado para o doutorado na área. Na Universidade Federal de Goiás [UFG]. Caçado como membro de suposta Organização Criminosa, acabou preso, por seis meses consecutivos. A ausência de liberdade é uma tragédia humana. O MST destinou-lhe um pedaço de terra. No Assentamento Canudos. De 400 famílias.

Ouça o que diz o Papa Francisco

 

Produto da Reforma Agrária, o imóvel rural virou a Unidade de Produção Agroecológica Colmeia. Um modelo para o Brasil, o Cone – Sul, a América Latina. Para gerar emprego e renda no campo, abastecer as cidades com alimentos saudáveis de baixo custo, com impacto nas múltiplas cadeias produtivas e na queda da inflação. O principal legado de Paulo Guedes, ao lado do programa de desestatização, explica Valdir Misnerovicz, emocionado, com exclusividade, ao Portal de Notícias www.renatodias.online

Miséria, fome, desemprego no campo e na cidade

Valdir Misnerovicz 

Produção agroecológica do Assentamento Canudos, Unidade Colmeia, produto da Reforma Agrária em latifúndio

Mais: i Brasil possui, hoje, 33 milhões de habitantes no Mapa de Fome da ONU, com 125,2 mi em um quadro de insegurança alimentar, taxa de desemprego de 14 % da População Economicamente Ativa, alto percentual de informalidade no mundo do trabalho, relata. Com uma elevada precisão dos indicadores atuais econômicos, sociais, sanitários, culturais, educacionais do País O presidente da República, Jair Bolsonaro [PL], é o arquiteto da destruição, denúncia. A mudança começa em 2 de outubro, frisa.

Suposto Messias, Jair Bolsonaro é o arquiteto da destruição

Valdir Misnerovicz 

Jair Messias Bolsonaro – O Estado de S. Paulo

Valdir Misnerovicz diz ao Portal de Notícias www.renatodias.online que irá concorrer dia 2 de outubro de 2022 para a Câmara dos Deputados. Para alterar a atual correlação de forças no Congresso Nacional, capturado pelo capital, com bancadas retrógradas e conservadoras, explica. Mandato político e parlamentar para mobilizar as ruas, além de disputar a hegemonia política na sociedade, revela. O MST possui um projeto para retirar o Brasil da crise e reconstruir, sob Luiz Inácio Lula da Silva, um novo amanhã, ele propõe.

Um novo amanhã em disputa nas eleições de 2 de outubro

Valdir Misnerovicz 

Congresso Nacional
Congresso Nacional

O MST possui, hoje, um Projeto Para o Brasil, expõe. Com saídas factíveis à superação da crise de 2016 a 2022, atira. O MST admite até participar de eventual Governo Federal, caso Luiz Inácio Lula da Silva ganhe a eleição, afirma. O momento é de refluxo das lutas de massas e dos trabalhadores, observa. Valdir Misnerovicz propõe incentivo estatal com recursos para a transição da monocultura, produção com agrotóxicos e transgênicos à agroecologia. Assim como energia solar, verde, limpa, renovável com o financiamento do BNDES e Banco do Brasil.

Luiz Inácio Lula da Silva – caricatura
Luiz Inácio Lula da Silva

Renato Dias

Renato Dias, 56 anos, é graduado em Jornalismo, formado em Ciências Sociais, com pós-graduação em Políticas Públicas, mestre em Direito e Relações Internacionais, aluno extraordinário do Doutorado em Psicologia Social, estudante do Curso de Psicanálise do Centro de Estudos Psicanalíticos do Estado de Goiás, ministrado pelo médico psiquiatra e psicanalista Daniel Emídio de Souza. É autor de 20 livros-reportagem, oito documentários, ganhou 20 prêmios e é torcedor apaixonado do maior do Centro-Oeste, o Vila Nova Futebol Clube. Casado com Meirilane Dias, é pai de Juliana Dias, jornalista; Daniel Dias, economista; e Maria Rosa Dias, estudante antifascista, socialista e trotskista. 

Avatar photo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *