Home»PodCast»PSDB quer hegemonizar centro democrático

PSDB quer hegemonizar centro democrático

0
Shares
Pinterest Google+

PSDB quer hegemonizar centro democrático

Marconi Perillo, ex-governador do Estado de Goiás por quatro mandatos
Marconi Perillo diz com exclusividade não ter preferência e dialogará com os três pré – candidatos
Podecast
Marconi Perillo
Jardel Sebba
Renato Dias
Sem extremos, nem à esquerda, muito menos à direita. A opção para o Palácio do Planalto em outubro de 2022 é o centro democrático. O manta possui o DNA do governador do Estado de São Paulo, João Dória. Ex-prefeito da cidade de São Paulo. Um dos três pré-candidatos do PSDB [Partido da Socialdemocracia Brasileira], ele participou de fórum tucano, neste sábado, em Goiânia, a capital do Estado de Goiás. Ao lado de Marconi Perillo e José Eliton.
Governador do Estado de São Paulo e pré-candidato do PSDB ao Palácio do Planalto, João Doria
Governador por quatro mandatos [1999-2002; 2003-2006; 2011-2014; 2015-2018], ex – deputado estadual [1991-1994], ex – deputado federal [1995-1998], ex – senador da República [2007-2010], o cardeal da legenda afirma a www.renatodias.online que o PSDB de Goiás irá dialogar, além de João Dória, com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, assim como com Tasso Jereissati, do Ceará. As prévias serão dia 21 de novembro.
Tasso Jereissati, pré-candidato do PSDB, nas prévias de 21 de novembro, à Presidência da República
Eduardo Leite, governador do Estado do Rio Grande do Sul e pré-candidato ao Palácio da Alvorada
O ex – presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás Jardel Sebba teria cobrado explicações públicas de João Dória. Motivo: a manutenção em cargos de primeiro escalão, no Governo do Estado de São Paulo,  de dois adversários tucanos em Goiás e aliados do atual  inquilino da Casa Verde, Ronaldo Caiado, líder do Democratas, ex-PFL. A referência explícita é a Alexandre Baldy, do Progressistas, e a Henrique Meirelles, do PSD.
Anna Sebba, ex-primeira-dama de Catalão, Jardel Sebba, e o deputado estadual Gustavo Sebba

 

Tucano, símbolo do PSDB
Previous post

A CIA no Brasil

Next post

Rodrigo Pilha é libertado

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *