Gilvane Felipe
Cidade

Cidadania vê escola sob ataques

De professora de História da Arte

Por versos de Hélio Oiticica

Renato Dias 

O Cidadania diz, em Nota Oficial, repudiar o grave e irresponsável atentado à liberdade de expressão vil desferido pelo deputado federal Gustavo Gayer [PL-GO] e emite a sua solidariedade à professora de História da Arte demitida do Colégio Expressão. Institui­ção privada de ensino. De Aparecida de Goiânia. Por usar versos de Hélio Oiticica.

Gustavo Gayer 2022

O documento é assinado pelo historiador, ex-secretário de Estado da Cultura, além de ex-titular da Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia, ex-superintendente do Sebrae Goiás e presidente do Cidadania Gilvane Felipe. O dirigente classifica os ataques como nocivos e defende a democracia, a tolerância e a liberdade nas escolas.

Nota Oficial Cidadania em Goiás

No último dia 2 de maio, uma professora goiana foi violentamente atacada pelas redes sociais em função de uma postagem na qual fazia referência a uma obra do célebre artista brasileiro Hélio Oiticica.  Tal atentado foi desferido pelo Deputado Federal Gustavo Gayer (PL), conhecido por suas posições intolerantes. Todavia, é preciso ressaltar que a liberdade de expressão é um dos pilares fundamentais da democracia e como tal deve ser protegida e respeitada, principalmente em se tratando de educação. 

Ao mesmo tempo, é importante lembrar que esse direito não pode ser usado para justificar discursos de ódio, discriminação ou violência contra indivíduos ou grupos específicos, como no caso da referida professora que, inclusive, acabou sendo demitida pelo Colégio, em função de abjeta campanha de difamação do referido parlamentar da extrema-direita que leviana e repetidamente profere discursos de ódio em relação à diversidade de pensamento, pré-requisito de um ambiente escolar saudável e democrático. 

A escola sob ataques

A escola no Brasil está sob ataque, seja por atentados armados, como vimos recentemente, seja em casos como o atual em que se ataca a escola, atacando seus professores e a sua liberdade de expressão. Em ambos os casos, o bolsonarismo é um contumaz fomentador desses atentados, ao estimular a cultura do armamentismo, da intolerância e da violência. 

Jair Messias Bolsonaro

Diante disso, o partido Cidadania em Goiás vem a público repudiar enfaticamente mais esse grave e irresponsável atentado ao direito de expressão, ao mesmo tempo em que nos solidarizar com a professora, vítima desses grupos extremistas que assolam o nosso Estado e o nosso país. Também conclamamos a que a sociedade civil e todas as suas instituições e organizações reajam a essas ofensivas tão nocivas, em defesa da democracia e de nossas escolas.

Goiânia, 8 de maio de 2023

Gilvane Felipe

Presidente do Cidadania em Goiás

Renato Dias

Renato Dias, 56 anos, é graduado em Jornalismo, formado em Ciências Sociais, com pós-graduação em Políticas Públicas, mestre em Direito e Relações Internacionais, aluno extraordinário do Doutorado em Psicologia Social, estudante do Curso de Psicanálise do Centro de Estudos Psicanalíticos do Estado de Goiás, ministrado pelo médico psiquiatra e psicanalista Daniel Emídio de Souza. É autor de 20 livros-reportagem, oito documentários, ganhou 20 prêmios e é torcedor apaixonado do maior do Centro-Oeste, o Vila Nova Futebol Clube. Casado com Meirilane Dias, é pai de Juliana Dias, jornalista; Daniel Dias, economista; e Maria Rosa Dias, estudante antifascista, socialista e trotskista. 

Avatar photo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *