Home»Política»Marconi amplia vantagem e dispara

Marconi amplia vantagem e dispara

0
Shares
Pinterest Google+

Pesquisa RealTime Big Data/RecordTV

Ao Senado da República

Congresso Nacional
Congresso Nacional

Renato Dias

Levantamento estatístico de opinião pública para o Senado da República realizado pela Real Time Big Data e divulgado pela Record Tv registra que o ex-governador do Estado de Goiás Marconi Perillo [PSDB] ampliou a diferença e lidera a disputa, hoje, com 28%. O segundo colocado aparece com 16% das intenções de votos.

A vinte dias das eleições de 2 de outubro de 2022, a vantagem apontada pelos números da pesquisa é elástica e traz um elevado percentual de frente de 12%. Em relação ao segundo colocado, o deputado federal Waldir Soares [União Brasil], aliado à Casa Verde, ao governador do Estado de Goiás, Ronaldo Caiado [União Brasil]

O tucano alcançou 28% das intenções de voto. O parlamentar, 16%. Na comparação com o levantamento anterior, ambos oscilaram um ponto percentual para cima. Wilder Morais [PL] atinge 11%. Já Alexandre Baldy [Progressistas] chega a 8%. João Campos (Republicanos), 7%. Vilmar Rocha (PSD) e Denise Carvalho (PCdoB), 4% cada.

Manu Jacob [PSOL] e Leonardo Rizzo [Novo], com 2% cada. Votos em branco ou nulo são 9%. O mesmo percentual dos eleitores entrevistados ainda indecisos. A margem de erro da pesquisa é de 3% e 95% de confiança. Com mil eleitores dos em 13 e 14 de setembro e registrada no TRE do Estado Goiás sob o número GO-09920/2022.

Justiça determina remoção de fake news

Das redes sociais de Jorge Kajuru 

Jorge Kajuru – Metrópoles

Senador do Podemos apresenta irregularidades

Da redação

O juiz auxiliar Adenir Teixeira Peres Junior, do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO), determinou a remoção de fake news espalhadas nas redes sociais do senador Jorge Kajuru (Podemos) contra o ex-governador Marconi Perillo (PSDB).

Na publicação, que faz referência a uma reportagem do Jornal Nacional sobre a Saneago, Kajuru apresentou duas “irregulares”, de acordo com o juiz. Primeiro, a notícia não faz referência ao valor citado pelo senador, sendo a segunda a “associação indevida de conduta criminosa ao representante”.

“Determino a imediata remoção das publicações impugnadas, dê ciência ao Facebook, Instagram e TikTok, para que no prazo de 24 horas, excluam as publicações”, afirma Adenir Teixeira Peres Junior.

Em caso de descumprimento, será aplicada multa de R$ 5 mil “para cada nova publicação ofensiva à honra” de Marconi.

Leia a íntegra da decisão judicial

Veja a decisão judicial

explosivo
explosivo

“Eu teria vergonha de usar o orçamento secreto”, diz Marconi

Marconi Perillo
Tucano, o símbolo do PSDB

Tucano diz que, se for eleito senador, se posicionará contra esse instrumento

Da redação

O candidato a senador Marconi Perillo (PSDB) disse, durante sabatina na rádio 96.3 FM Anápolis, nesta quinta-feira (15/9), que teria vergonha de usar o orçamento secreto e que, se eleito, se posicionará contra esse instrumento.

“Esse tem que ser um debate racional, pensando no Brasil e na sociedade. Eu mesmo vou me posicionar contra o orçamento secreto. Teria vergonha de dizer que coloquei tantas emendas secretas. Para quê? Para quem? Nada tem que ser secreto”, disse.

“O que é secreto acaba ficando muito suspeito. Não estou dizendo que estão fazendo coisa errada, mas é, no mínimo, suspeito. Quero colocar o dedo nessa ferida da questão do orçamento secreto”, dispara.

Marconi Perillo
Previous post

Vilmar Rocha vê autonomia do Fisco

Next post

Rosemar Cardoso em contagem regressiva

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *