Home»Eventos»Fórum constrói genealogia do poder

Fórum constrói genealogia do poder

2
Shares
Pinterest Google+

Fórum constrói genealogia do poder

Odemar Leotti é o mediador de seminário online

Veja nesta segunda-feira, às 19h, YouTube, Canal do ICHS

https://www.youtube.com/watch?v=ufOJmRESuDc
Renato Dias
Sob a mediação do professor doutor da Universidade Federal de Rondonópolis, Estado do Mato Grosso, Odemar Leotti, o Canal ICHS do YouTube transmite, hoje, às 19h, o diálogo virtual Brasil: emancipação ou dominação?
Odemar Leotti
Odemar Leotti
O discurso de nação e o domínio do escravismo colonial entrarão em pauta, diz o pesquisador com exclusividade ao Portal de Notícias www.renatodias.online A ideia é promover a desconstrução histórica do processo soterrado.
Odemar Leotti, um intelectual gauche, revela que a conversa, hoje, será o pontapé para a construção de uma genealogia do poder. A que construiu um País patriarcal, patrimonialista, racista, misógino e sem mobilidade social
Fundado nos interesses colonizadores eurocêntricos, explica Odemar Leotti. Uma das vozes lúcidas na Academia em tempos sombrios da Era da Estupidez do atual presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, e seus generais.
Jair Bolsonaro de moto _ Poder 360

Fórum online

O fórum online, nesta segunda-feira, 19 de julho de 2021, terá duas participações. A do doutor Pedro Acosta,  UNILAB, Campus dos Males, Bahia, e a do doutor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Walter Fraga.

Saiba mais

Walter Fraga é professor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Prêmio Jabuti de melhor livro 2010 paradidático. O título é Uma História da Cultura Afro-brasileira. É autor de Mendigos, Moleques e Vadios na Bahia do século XIX. Assim como de Encruzilhadas da Liberdade: Histórias de Escravos e Libertos _ Bahia: 1870-1910.
Pedro Acosta-Leyva é professor doutor de História da África. Um de seus artigos seminais possui o título O mito dos cinco séculos de colonialismo na África. Assim como Modalidades Tradicionais africanas de capturas para o tráfico negreiro. O estudioso frequentou a Escuela Patrice Lumumba, em Guantánamo, Cuba.
Odemar Leotti possui bacharelado e licenciatura em História na Universidade Federal de Mato Grosso. Com mestrado na Universidade Estadual de Campinas, Unicamp. O doutorado na Universidade Estadual Paulista, campus de Assis. É professor da Universidade Federal de Rondonópolis. Estado do Mato Grosso.
Autor dos seguintes livros  ‘Política das Almas: políticas indigenistas em Mato Grosso _ Diretoria-Geral dos Índios – 1831-1895’. Assim como de ‘Linhagens Cuiabanas Revalidadas. O HIGMT  e a invenção do matogrossense. De 1919 a 1934’. Edição especial da Pontes.

Linhagens Cuiabanas Revalidadas

Previous post

Um grito

Next post

Odecir Leotti: legado à humanidade

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *