CidadeEsporte

Atividade solidária Jogos Internos esquentam instituição de ensino

Atividade solidária

Jogos Internos esquentam instituição de ensino

Atletas jogam Futsal

Com queimada, futsal, handebol, natação, atletismo, capoeira, kin ball e E-Sports

Renato Dias

A edição 2019 dos Jogos Internos da Interschool Brasil [JIISB] encerram-se nesta sexta-feira, 28 de junho de 2019. Com cinco modalidades esportivas. Integram a relação: queimada, futsal, handebol, natação e atletismo. Os esportes fazem parte da moderna proposta de aprendizado da escola. Em tempo: as equipes foram divididas por cores – verde, vermelho, azul e amarelo.  Com­postas por alunos do 1º ao 9º ano.  Eles jogarão entre si. De acordo com as faixas etárias.

Referência como escola bilíngue no país, a Interschool Brasil oferece uma proposta integral de ensino. Mais: possui no esporte um dos pilares para a formação dos seus alunos em sua totalidade. Com a prática esportiva especial é realizado um trabalho interdisciplinar. Para o desenvolvimento motor e à  sociabilidade da criança e do adolescente. É da educação infantil ao ensino fundamental. Os estudantes aprendem a ganhar e a perder e lapidam as qualidades.

– Como solidariedade, liderança, persistência e responsabilidade.

Formação humanizada

É o que explica o diretor da escola, o médico e educador Fernando Rassi Nader. Trata-se de uma proposta inovadora para uma formação humanizada de novos cidadãos, pontua o professor. Além dos jogos esportivos, estão sendo realizadas oficinas de capoeira, kin ball e Jogos digitais [E-Sports], diz. O projeto dialoga com o que a educação física tem a contribuir na formação dos alunos, com novos aprendizados e à ampliação do conhecimento cultural, afirma

 – As equipes são estimuladas a levarem alimentos que serão doados. Cada quilo de alimento corresponde a um ponto. Tudo o que for arrecadado durante os jogos será doado a insti­tuições públicas de fomento ao esporte e inclusão social, estabelecidas na Grande Goiânia

Renato Dias

Renato Dias, 56 anos, é graduado em Jornalismo, formado em Ciências Sociais, com pós-graduação em Políticas Públicas, mestre em Direito e Relações Internacionais, aluno extraordinário do Doutorado em Psicologia Social, estudante do Curso de Psicanálise do Centro de Estudos Psicanalíticos do Estado de Goiás, ministrado pelo médico psiquiatra e psicanalista Daniel Emídio de Souza. É autor de 20 livros-reportagem, oito documentários, ganhou 20 prêmios e é torcedor apaixonado do maior do Centro-Oeste, o Vila Nova Futebol Clube. Casado com Meirilane Dias, é pai de Juliana Dias, jornalista; Daniel Dias, economista; e Maria Rosa Dias, estudante antifascista, socialista e trotskista. 

Avatar photo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *