Home»Política»Nada será como antes, diz médico

Nada será como antes, diz médico

Profissional da Saúde afirma que Cloroquina, Azitromicina e Sulfato de Zinco, ministradas no início do tratamento, aos pacientes contaminados, podem curá – los e impedir mortes

0
Shares
Pinterest Google+

Nada será como antes depois da Pandemia do Coronavírus Covid 19 de 2019 e 2020, informa, com exclusividade, o médico Jardel Sebba. Profissional de Saúde graduado na Universidade Federal Fluminense [UFF]. A crise iniciou-se na China, expandiu-se para Itália, França, Espanha, Estados Unidos das Américas, recorda-se. O impacto atingirá a Economia, com recessão global, afirma o ex-presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Goiás, ex-prefeito de Catalão.

– A crise virou o Planeta Terra de cabeça para baixo. O mundo enfrenta, sim, grave crise.

 

Pesquisa obtida por Jardel Sebba relata que a introdução, no início do tratamento de saúde, dos medicamentos, como Cloroquina, Azitromicina e Sulfato de Zinco, podem curar os pacientes infectados e impedir mortes por atacado, como hoje. O corte dos gastos públicos impacta a economia, a sociedade e até o cenário político, explica. A renda despencou, dispara. Não se resume a Goiás, Brasil ou América do Sul, mas é mundial, destaca o ex-deputado estadual.

– Nos quatro primeiros dias, a cura é possível. O efeito colateral atinge 2%. Somente. Roberto Kalil está correto.

Urnas eletrônicas

As eleições serão mantidas em 2020, crê. O que parece é que deverá ocorrer no mês de dezembro, pontua. O ex-secretário de Estado, produtor rural, prevê uma recessão global, destaca. Até o crescimento da China será desacelerado, metralha. A Europa sofrerá os efeitos, avalia. Os indicadores serão devastadores, desabafa. O Brasil poderá escapar, com uma crise mais leve, em virtude das medidas adotadas com antecedência de isolamento e investimento.

– É aguardar para ver.

Previous post

‘A hora é de cuidar das pessoas’

Next post

‘Maia faz chantagem com Bolsonaro’

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *